Amores, vou arrumar umas coisas aqui. Mais tarde ou amanhã eu entro e posto mais, okay?

Desculpem estar entrando pouco ultimamente, juro que tento recompensar :c

Beijinhos! ♥

- Jess

umminutoprapensarcom

Faz um em que o Harry da um cachorrinho de presente pra s/n e depois fica todo enciumado?

Okay ^-^

- Jess

"É inevitável. 

Sempre que Zayn passa ao meu lado pelos corredores deste prédio, meu coração se acelera e meu estomago se revira em expectativa e nervosismo. É comum.

Claro, é comum ele passar ao meu lado, não eu me sentir assim. Que droga, nem sequer explicar eu consigo. O que esse garoto está fazendo comigo?

Sei que todos dizem “é normal se apaixonar na adolescência”, mas é tão normal assim? Ao ponto de se sentir completamente presa? Ao ponto de desejar a pessoa vinte e quatro horas por dia?

Isso é doentio! Eu já não sei mais o que fazer. Minha vontade de vir para escola está abaixo de zero, pois sei que se vier, eu encontrarei Zayn pelas salas, e com certeza ele estará com alguma amiguinha agarrada ao pescoço dele.

Eu odeio aquelas meninas, são todas biscates. É clichê dizer isso, mas é a mais pura verdade.

Meu ciumes está descontrolado, meu coração descompassado desde o instante em que percebi que gosto de Zayn, e minha mente confusa.

Não posso evitar sentir isso, não posso evitar me apaixonar mais e mais por ele. É como um ciclo vicio, no qual eu o odeio por ser tão idiota, choro e me desespero por isso, então me prometo que nunca mais olharei para ele e no outro dia estou acompanhando cada pequeno movimento seu.

Não é obsessão, é… paixão. Amor, quem sabe. Porém não retribuído e tenho minhas certas duvidas de se algum dia será de fato retribuído.

O fato é que ninguém nunca me deixou tão envolvida e nas alturas como Zayn está me deixando. Eu sinto que é diferente, sinto que cada vez que penso nele eu estou um passo mais perto de finalmente entender como todo esse lance do amor funciona. Sozinha, mas estou. Sinto que não importa se ele gosta de mim de volta ou não, isso pode doer, mas não afeta em nada na felicidade que sinto apenas por saber que ele existe.

Estranho, não? Amar uma pessoa com quem você falou poucas vezes.”.

Batuquei minha caneta no caderno mais algumas vezes, analisando o pequeno texto que havia acabado de fazer. Olhei para o relógio que fazia seu infinito tic tac na parede. Apenas mais dez minutos para o fim da última aula do dia e pronto, eu estava livre.

Olhei a porta aberta da sala. Alguns alunos andavam em sentido a saída do colégio, provavelmente sendo liberados mais cedo.

E então, ele passou. Rindo com os amigos, lindo como sempre. O cabelo bagunçado sendo coberto por um boné com a aba para trás, sua camisa cinza não tendo muito destaque com sua calça jeans vinho e seus tênis pretos.

Neutro, roupas em cores escuras. Radiante com seu sorriso.

Naquele momento parecia que tudo se passava em câmera lenta e eu poderia aproveitar aquele lindo sorriso estampado em seu rosto moreno. Céus, eu estava completamente apaixonada por Zayn Malik, e não me cansava de repetir isso!

O momento foi interrompido quando um dos amigos dele o empurrou, fazendo-o sair de minha vista. Droga!

Minutos e mais minutos tortuosos se passaram, até o momento em que o sinal bateu e todos saímos. 

Meus livros quase despencavam de minhas mãos, mas mesmo assim eu corria em meio aos alunos, orando para que Zayn ainda estivesse do lado de fora do colégio, batendo mais papo com os amigos.

E, por fim, eu olhei para o céu e mandei um pequeno “obrigada” por ver Zayn encostado em uma parede, rindo alto de qualquer coisa que qualquer pessoa contava. Não me apeguei nesses detalhes.

Me apeguei ao fato de estar ali, mais uma vez, o sorriso de anjo que eu tanto amava e que nunca seria dado para mim ou por mim. De repente eu já estava fitando-o como uma babaca, completamente parada, apenas contemplando a linda obra que os pais dele haviam feito.

Foi quando alguém cutucou Zayn e apontou para mim, o mostrando a minha situação. Ele riu baixo, meio envergonhado e confuso, e deu um pequeno aceno. Um aceno para mim!

Ai, caramba!

Abri o maior sorriso que pude em resposta, virando-me de costas e contando até cem para não sair gritando ali mesmo.

Um aceno, coisa pequena, mas um importante gesto para uma menina apaixonada.

Você sabe do que estou falando… me diz, quem é que nunca se sentiu assim?

imagines  zayn  jess 

Me lembrei de um pedido que fizeram um tempo atrás, por fan mail. Não sei quem foi, mas vou postar agora e não terá continuação!

- Jess

x

Pedidos?

- Jess

x

One Direction’s Louis Tomlinson watches Doncaster Rovers playing Sheffield Wednesday. (x)

Louis at the Keepmoat Stadium to support the Doncaster Rovers Football Club. (7/27)

  next →
al